quinta-feira, setembro 30, 2010

O CRESCIMENTO ANUNCIADO

O primeiro-ministro afirmou na quinta-feira, na Assembleia da República, que espera um crescimento de 0,5% para 2011. Nós conhecemos bem a fiabilidade das suas previsões e não acreditamos sequer que em 2010 haja algum crescimento, quanto mais superior a 1% como ele diz esperar.

Não me prendo com promessas de crescimento tão pouco fidedignas, nem sequer com valores insignificantes, mas fico fulo quando se pretende mascarar a realidade com décimas, iludindo os mais incautos.

A única previsão credível é a da diminuição real dos rendimentos da maioria dos portugueses, o aumento do número de desempregados, e um aumento muito significativo da miséria em Portugal. Não é difícil fazer este diagnóstico, todos sabem que isto vai acontecer, mas não simpático dizer isto às populações, porque há o temor de ter que se enfrentar um descontentamento generalizado.

A verdade é quase sempre inconveniente, na política nacional.

««« - »»»
Foto Colorida


««« - »»»
Humor no Gamanço
Novas Tecnologias by Valeriu-Kurtu

quarta-feira, setembro 29, 2010

MORREU ARTHUR PENN

Arthur Penn, que com o filme “Bonnie e Clyde” (1967), revolucionou a indústria do cinema americano abrindo o caminho a toda uma geração de novos autores exteriores à fábrica de Hollywood, morreu terça-feira à noite, um dia após ter feito 88 anos. A notícia foi avançada pelo “The New York Times”, e confirmada por Evan Bell, amigo e contabilista do realizador desde há vários anos.

Mais AQUI


««« - »»»
Foto - Lanterna
Lamparina by Palaciano

««« - »»»
Humor Com Muita Raiva
Estará tudo cego? By Tommy Tomedean

Bosta de Mundo by Xiao-Chengsen

terça-feira, setembro 28, 2010

CREDIBILIDADE, ONDE MORAS?

A má situação económica que o país atravessa tem originado declarações de diversos políticos deste país, e muitos deles ocupam ou ocuparam cargos de grande relevância. Uns a favor disto, outros a favor daquilo, uns contra os outros, muito poucos com propostas concretas e com uma previsão temporal quanto aos prazos necessários para se alcançar o equilíbrio.

É com alguma incredulidade que se ouve dizer que os portugueses estão agora mais confiantes no futuro da economia, quando tudo aponta para um maior aperto do cinto, que já começou a apertar-se há pelo menos uma década.

Estou em crer que os estudos optimistas são encomendados à medida, porque não creio que as instituições ou empresas contratadas não podem ser assim tão incompetentes para apresentarem resultados de todo impossíveis.

As encomendas vão por vezes longe de mais, veja-se o caso da apresentação, em Lisboa, do estudo da OCDE, exactamente antes da apresentação do Orçamentos de Estado para 2011, e as declarações públicas de um técnico que até dá conselhos políticos aos portugueses.

Vivemos num país formidável, onde a verdade é rara, a honestidade anda arredada, a Justiça prima pela ausência, e a responsabilidade desapareceu por completo. Onde param os malandros que nos mergulharam neste buraco? Cá fora, e a dar palpites… errados tenho a certeza. 

««« - »»»
Foto - Lisboa
O Chiado by Palaciano

««« - »»»
Humor Russo
O Estratega

Lady Cocó

segunda-feira, setembro 27, 2010

UM PAÍS DE EMPRESÁRIOS

Começo a ficar farto das estatísticas e dos analistas nacionais, que volta e meia repetem alto e em bom som, que os portugueses não têm espírito empreendedor e que não se empenham nas suas tarefas laborais.

A realidade veio demonstrar que os “tugas” são empresários empenhados e obtêm muito bons resultados na agricultura, e que acreditam plenamente na tecnologia como pretende o primeiro-ministro. Temos já em plena produção centenas de milhares de empreendimentos agro-pecuários, e não me consta que o sector esteja a ser mal sucedido, até porque já tive a oportunidade de registar que há alguns excedentes em alguns dos produtos, o que abre até novas perspectivas no que toca às exportações.

Afinal Sócrates tinha razão quando falava da necessidade de fomentar as novas tecnologias, e o ministro da Agricultura andou a fazer um bom trabalho (nas redes sociais), basta deitar uma olhada ao Facebook e aos anúncios que por lá proliferam sobre os resultados obtidos pelos muitos portugueses que se transformaram em empresários nesta área.

Estamos na 1ª linha da produtividade (virtual).  

««« - »»»
Foto - Anifruto


««« - »»
Música


««« - »»»
Humor em Português
Seri

sábado, setembro 25, 2010

CURTINHAS

Descoberta – O restauro de uma tela quinhentista de um coleccionador privado levou à descoberta de uma obra rara de Pieter Brueghel, o Velho. A pintura foi ontem apresentada no Museu do Prado, em Madrid, pela ministra da Cultura espanhola. Mais »»»

Sócrates ameaça demitir-se – O primeiro-ministro afirmou hoje que o Governo não poderá continuar em funções se o Orçamento para 2011 for rejeitado. Mais »»»

««« - »»»
Pintura Flamenga
Pieter Bruegel, o Velho

Pieter Bruegel, o Velho

««« - »»»
Humor Politiqueiro
A um Passos da rutura por Rodrigo

quinta-feira, setembro 23, 2010

RICO PAÍS POBRE

Portugal até é um rico país mas não seguramente um país rico. Esta afirmação até será consensual, mas há por aí quem julgue que Portugal é um país rico e aja em conformidade.

A petrolífera nacional, o governo e a autoridade da concorrência continuam a fazer de conta que somos o sexto país mais rico da União Europeia. Com alguma boa vontade eu diria apenas que estão enganados.

As coisas são simples de entender se tivermos em linha de conta que pagamos a gasolina mais cara do que os cidadãos da maioria dos outros parceiros da comunidade em que estamos inseridos. As grandes capacidades intelectuais de quem está no Governo, na Autoridade da Concorrência e na Galp devem achar que as dificuldades económicas e financeiras que Portugal atravessa, são desprezíveis e que os colchões dos tugas estão cheios de notas de 500 euros.

Das duas uma, ou os gestores da Galp são muito maus, ou então algo está errado com os preços praticados. No Governo, ou está tudo a olhar para o lado e só lhes interessem os impostos da gasolina, ou então são mais incompetentes do que nós julgamos. Na tal de Autoridade da Concorrência não há duas hipóteses, ficamos reduzidos à sua inutilidade pelas evidências, extinga-se!

««« - »»»
Fotos - Palácio Nacional de Mafra
By Palaciano

By Palaciano
««« - »»»
Humor e Palhaçada

quarta-feira, setembro 22, 2010

J.S.BACH


Fotos - Basílica de Mafra
By Palaciano

By Palaciano

By Palaciano

segunda-feira, setembro 20, 2010

QUEM SE METE COM O PS…

A frase de Jorge Coelho ficou na memória da maioria dos portugueses, e também no anedotário político nacional.

O assunto que vos trago hoje não tem nada a ver com o autor da frase, mas podia aplicar-se com inteira justiça ao boato (pelo menos por enquanto) que corre por aí, segundo o qual Manuel Maria Carrilho irá ser dispensado do cargo de embaixador de Portugal junto da Unesco.

A recente entrevista do antigo ministro da Cultura, ao Expresso, não terá caído muito bem lá para as bandas do Largo do Rato, e se a isso se juntar a recusa em votar num candidato egípcio para director-geral da Unesco, como indicado pelo executivo nacional, temos os ingredientes necessários para que o boato comece a ganhar algum peso.

Não se julgue que estou preocupado com o futuro de Carrilho, ou sequer com o modo como a notícia lhe terá chegado (via Lusa), porque ele tem uma carreira universitária onde tem o lugar garantido. Pena tenho dos que perdem o seu trabalho e poucas ou nenhumas hipóteses têm no mercado de trabalho actual, e esses são muitos.

O que me faz pensar é que se isto é verdade, temos um partido no poder que não convive bem com a crítica, nem sequer quando ela sai do seu próprio seio. Estes tiques de intolerância lembram-me outros tempos, bem negros por sinal.

««« - »»»
Foto - Restauro

««« - »»»
Humor ao Telemóvel

sábado, setembro 18, 2010

HENDRIX

Jimi Hendrix já morreu há cerca de 40 anos mas só agora chegaram às lojas 12 temas nunca divulgados deste artista.

Valleys of Neptune é o mais recente trabalho conhecido do que foi considerado o melhor guitarrista da história. Não se pode dizer que as músicas sejam completamente desconhecidas, porque algumas estão no YouTube, e as gravações destes temas foram feitas nos idos de 1969, mas para a maioria das pessoas será uma novidade e uma surpresa. 


««« - »»»
Foto - Escadas

««« - »»»
Caricaturas - Famosos
Stevie Wonder  por Baptistão
Santos Dumont por André Mello

quinta-feira, setembro 16, 2010

CURTINHAS

Sustentabilidade – O presidente da Brisa veio afirmar que “Portugal não é um País sustentável”, acrescentando que o “problema sério” está “naquilo que o Estado consome todos os dias”. Este gestor, que até fala em congressos não desvendou aos seus ouvintes, e muito menos à comunicação social, quanto paga o Estado às concessionárias das auto-estradas e das SCUT, anualmente, bem como o que paga nas parcerias público-privadas  da área da saúde. Era um exercício interessante comparar verbas e o nível de investimentos feitos pelos privados nessas áreas.

O que é racismo? – Segundo Passos Coelho a expulsão de ciganos de França não é um problema de racismo. Pelos vistos o líder social-democrata (?) acha que é uma atitude primária e populista apelidar de racista esta expulsão, exclusivamente de ciganos, originários de dois países do espaço europeu. Talvez fosse útil dar-lhe então um nome, para que eu procure entender a sua intervenção, é que eu não gostei nada de ser apelidado de primário e populista.

««« - »»»
Humor e Racismo

««« - »»»
Foto - Hibisco

quarta-feira, setembro 15, 2010

ERROU, SENHORA MINISTRA

Gabriela Canavilhas afirmou à Lusa que “os cortes de despesa pública nos países europeus demonstram que o Estado social encontrou o seu limite” e que “o Estado social está ameaçado”. Estas declarações vieram dar ânimo ao PSD e foi ver Miguel Relvas a aplaudir com quantas mãos tinha.

Estão enganados tanto Miguel Relvas quanto Gabriela Canavilhas, porque o Estado social está de facto em risco devido à má gestão dos nossos políticos, e evidentemente dos dois partidos que eles representam.

O que tem sido errado tem sido o modelo de crescimento apoiado pelos governos, baseado na construção, e a especulação imobiliária e financeira que nos lançaram nesta crise económica que atravessamos. Este diagnóstico está feito e é aceite mesmo nos meios financeiros. As divergências começam sobretudo na metodologia de saída da crise.

Para sair da crise o mais fácil é cortar onde é mais rápido, para depois continuar tudo na mesma, ou pelo contrário aprender com os países que melhor resistiram à crise mantendo o Estado social, apostando nas pessoas, na saúde, na educação e no bem-estar das populações, não cedendo apenas aos interesses económicos e à voragem dos números.

Os países nórdicos continuam a não abdicar dos sistemas de protecção dos seus cidadãos, mas não têm frotas automóveis de luxo ao serviço dos seus governantes, nem muitas das mordomias que os nossos auferem, para poderem ter o ensino e a saúde gratuitos. Por lá o Estado tem uma dimensão maior do que por cá, mas os governantes preocupam-se com o bem público, e ao menor sinal de escândalo demitem-se para se defenderem como qualquer outro cidadão.

O colapso do Estado social deve-se aos erros de quem nos tem gerido (mal) e desses não ouvimos nenhum “mea culpa” .

««« - »»»
Foto Aveludada

««« - »»»
Humor Guerreiro
O Belicista
O Pacifista

terça-feira, setembro 14, 2010

O RIDÍCULO E A EDUCAÇÃO

O Governo anunciou há apenas algumas horas que tinha feito um ajustamento relativamente à aquisição de manuais escolares, tendo em conta o aumento que os livros sofreram este ano, e os portugueses ficaram à espera do resultado.
Poucas horas passadas sobre o anúncio eis que chegou o despacho relativo à comparticipação do Estado na aquisição dos manuais escolares. Pasme-se com os ajustes!
Os ajustes anunciados vão desde os 30 cêntimos aos incríveis 1 euro e pouco. O ridículo não mata, porque se matasse havia governantes que teriam falecido em consequência de tão chorudos ajustes nas ajudas aos mais necessitados.

««« - »»»
Fotos e Templos


««« - »»»
Humor e Strip

domingo, setembro 12, 2010

ESCLARECER DÚVIDAS?

O ministro das Obras Públicas garante que vão ser esclarecidas todas as dúvidas dos utilizadores das SCUT sobre a forma de cobrança de portagem recentemente anunciadas.

António Mendonça vai ter que começar por explicar qual o valor das promessas eleitorais do partido (dito) socialista. Era interessante.

Vai ser muito difícil explicar porque razão é que são os utilizadores que têm que pagar um dispositivo que facilita a cobrança das portagens e não os concessionários a assumir este custo. É que afinal só esses dispositivos permitem um pagamento sem custos acrescidos. 

Outra dúvida para a qual as respostas devem ser interessantes é a da discriminação positiva conjugada com a teoria do utilizador-pagador. 

Afinal paga menos quem em princípio utiliza mais, ao contrário do que se passa em todas as outras estradas onde já se paga portagem, onde todos pagam o mesmo, independentemente da localização das suas residências ou empresas.

Por último, o senhor ministro acha natural a contestação popular mas não a receia, e faz mal, porque não se contesta só a falta de palavra do Governo, ou a trapalhada que é este negócio das SCUT, está em causa a legitimidade de eleitos que defraudam as expectativas dos seus próprios eleitores. 

Políticos sem palavra devem ser denunciados e afastados do poder.

««« - »»»
Foto - Fonte

««« - »»»
Humor e Caricaturas

sexta-feira, setembro 10, 2010

ECONOMIA E SOCIALISMO

Os dados oficiais da inflação indicam que o nível de vida dos portugueses voltou a piorar no mês de Agosto, tendência esta que se tem verificado continuadamente desde há mais de um ano. As intenções do Governo, bem claras nas declarações do ministro das Finanças, de aumentar a carga fiscal, são no mínimo ilógicas e injustas.
Eu sei que muitos dizem que os impostos atingem com a mesma proporcionalidade, ricos e pobres, o que também dizem dos aumentos salariais em valor percentual. Infelizmente quando se fala de sacrifícios, eles são sempre mais penosos para quem menos tem, e é fácil de perceber a razão, atendendo à percentagem de rendimento disponível depois de satisfeitas as despesas básicas duns e de outros.
A injustiça é ainda maior quando reparamos que os dados da inflação indicam que o que está a aumentar são precisamente as despesas básicas como os transportes, produtos alimentares, bebidas não alcoólicas, habitação, água, electricidade, gás e outros combustíveis.
Será que é justo continuar a castigar os rendimentos do trabalho, diminuindo a carga fiscal da banca e a especulação financeira? O senhor ministro Teixeira dos Santos ainda acha que é socialista?

««« - »»»
Fotos e Calor

««« - »»»
Humor e Bocas
Caloi
Quino

quinta-feira, setembro 09, 2010

PELAS ESTRADAS

A caminho do meu retiro de férias tive que percorrer algumas estradas deste país, e devo dizer-vos que na zona centro verifiquei que há muitas estradas que estão em mau estado, bem como algumas pontes e até a sinalização fora das IC’s e IP’s.
É com muita apreensão que oiço o Presidente das Estradas de Portugal vir dizer que para resolver os problemas de tesouraria da empresa, necessita do dinheiro das portagens das SCUT. Creio que Almerindo Marques aceitou as funções que desempenha antes de se ter resolvido cobrar portagens.
Se o modelo das SCUT e das Estradas de Portugal, não me agrada, muito menos me agrada pagar altos impostos nos combustíveis e na compra da viatura para usufruir de más estradas sempre que o percurso não tem portagem.
Para citar apenas alguns pontos negros menciono o IC 3, que é uma estrada muito perigosa, sempre em obras e com um traçado impensável e com faixas de rodagem tão exíguas que em grande parte do seu traçado nem sequer se pode ultrapassar. Já agora também andei pelo IC 12 e o estado das faixas da direita é muito mau.
Deixei de parte as outras estradas e as pontes onde já não podem passar a maioria dos pesados, mas podem ter a certeza que naquela zona há muitas mais vias por onde os senhores ministros não passam e que são da responsabilidade das EP, onde o senhor Almerindo Marques está, ainda que sobre estas estradas nada diga.

««« - »»»
Fotografia - Igreja Sta Comba Dão

««« - »»»
Humor Nacional
By Henrique Monteiro

segunda-feira, setembro 06, 2010

MAIS DESCANSO

De volta ao descanso, mas antes deixo-vos duas fotografias dum local próximo do meu poiso actual.

««« - »»»
Fotos & Lugares


««« - »»»
Humor & Mentiras

domingo, setembro 05, 2010

PROVA DE VIDA

As férias estão a ser calmas e relaxantes, conforme era desejado. O fim-de-semana é sempre mais complicado, mas é aproveitado para o necessário abastecinebto do que se consumiu nos últimos dias, ´para ler as notícias e para vir aqui.

Volto dentro de alguns dias.

««« - »»»
Foto - Um Clássico

««« - »»»
Humor & Liberdade