terça-feira, julho 25, 2017

OS CÃES E OS SEUS DONOS



Em geral não me irrito facilmente por causa de petições, ou abaixo-assinados mas hoje uma senhora tirou-me do sério, ao tentar convencer-me a apoiar a entrada de cães nos cafés, restaurantes, lojas, e praias.

Os cães podem ser adoráveis, bem comportados, inofensivos, eu sei, e até gosto imenso de cães, mas não consigo apoiar esta petição, muito por causa dos seus donos.

A senhora em causa não hesitou em comparar as brincadeiras dos cães e os seus latidos , com as das crianças e os seus choros, e foi por aí adiante com os disparates, mostrando um fanatismo cego que me incomodou.

Gosto imenso de cães e não os tenho por não ter condições para lhes dar o conforto e espaço necessário para os ter. A senhora em causa tem o seu cão (com um porte considerável) num andar, e passeia-o longe da sua parte e nunca a vi apanhar “os presentes” do animal, apesar das chamadas de atenção por parte dos vizinhos, que são presenteados com a merdola do animal da senhora, que passeia sem trela.

Como dizia uma amigo meu, os donos de cães e gatos deviam ter formação antes de os adquirirem, pois eles não merecem ter animais de estimação. 



2 comentários:

São disse...

Absolutamente de acordo!!!!

alfacinha disse...

É verdade é uma espécie de mal-tratar quando um cão tem de viver num apartamento
Abraço