quarta-feira, agosto 01, 2012

FORMIDÁVEIS GESTORES


Existem em Portugal uns senhores que estão à frente dos destinos de empresas, que sem investirem um tostão dos seus bolsos, ganham verdadeiras fortunas pelos seus cargos de gestão. É uma tarefa que alguém tem que desempenhar, contudo os seus proventos em nada condizem com os salários dos trabalhadores das ditas empresas.

Num relatório da CMVM descobriu-se que há um gestor que acumulou 73 cargos diferentes e que 17 administradores de cotadas na bolsa acumulam lugares de administração em 30 ou mais empresas. Estes “turbo-gestores” devem ser uns seres fenomenais, do tipo daquele que tira uma licenciatura em apenas um ano.

Estas sumidades verdadeiramente excepcionais, têm nas suas mãos o destino de milhares de trabalhadores que eles nem conhecem, a menos que sejam os familiares e amigos a quem arranjam um “lugarzinho” confortável e bem remunerado.


4 comentários:

Metalurgia das letras disse...

"Turbo-gestores" Por cá movidos a mensalão e propinol. (Óleo de propina). Gerenciando as empresas fantasmas...

Anónimo disse...

Aqui são comilões encartados que correm atrás dos prémios e dos bónus, escondendo prejuízos e escravizando quem trabalha. ABUTRE!
Lol

AnarKa

C Valente disse...

E mais grave é quando esses gestores são em empresas publica, (depois dá prejuízo), Uma vergonha que minguem põe fim a a isto
Saudações amigas

Anónimo disse...

E depois ainda há quem diga que é preciso cortar nos custos do trabalho...
Bjos da Sílvia