quinta-feira, abril 07, 2011

PEDIR AGORA PARA PAGAR AMANHÃ

O governo de José Sócrates, mesmo demissionário e sem se achar com legitimidade para tal, acabou por pedir a ajuda externa. Relutante, ou talvez não, o executivo cedeu à vontade expressa dos representantes dos bancos, que também tinham começado por dizer que Portugal não precisava de ajuda externa.

Existem dois pormenores que ninguém parece disposto a esclarecer: o primeiro é o do Estado real das contas públicas, e o segundo é sobre as medidas que negociámos com o Fundo Europeu de Equilíbrio Financeiro.

Não dá para acreditar que as entidades que nos vão emprestar dinheiro não tenham exigido saber a verdade sobre a nossa economia, e muito menos que não tenham imposto medidas para a concessão da ajuda.

Será desta que os nossos políticos nos vão dizer a verdade? Afinal somos nós que vamos pagar a factura da sua incompetência governativa.

««« - »»»
Foto - Escultura
By Palaciano
««« - »»»
Humor - Páscoa e Eleições
Dave Granlund

4 comentários:

Anónimo disse...

Espera sentado!
Lol

AnarKa

Anónimo disse...

Políticos a dizer verdades? Onde estás com a cabeça?
Bjos da Sílvia

zeparafuso disse...

Pois!!! O executivo cedeu à vontade dos banqueiros, aqueles que, quando estiverem ( como esta gereção ) á rasca, pedem ajuda ao governo, ou por outra o estado oferece-se para ajudar. O BPN, já está esquecido? Alguns analistas dizem que o que o estado investiu no BPN é superior á receita do IVA. Dá para acreditar? Quem está a pagar o BPN?
Um abraço

opolidor disse...

suponho que não vão dizer, eles não mudam da hipocrisia para a franqueza...
abraço