quinta-feira, agosto 16, 2007

OS RICOS CADA VEZ MAIS RICOS

Segundo a revista Exame as grandes fortunas nacionais valem 34 mil milhões. Esta fabulosa quantia supera em muito os 25 mil milhões registados em 2006 e significam quase ¼ do Produto Interno Bruto português.
Enquanto o ministro das Finanças, Teixeira dos Santos, se afirma satisfeito com um crescimento do PIB à volta de 1,6% neste ano, é preocupante saber-se que as 100 maiores fortunas nacionais cresceram 35,8% apenas num ano.
Portugal é o país mais mal classificado em toda a Europa no respeitante à distribuição da riqueza, e esta é a função primordial de qualquer governo e de qualquer ministro das Finanças. O que se verifica, pelo menos não surgiram quaisquer desmentidos, é que para estes indivíduos terem aumentado nesta proporção a sua riqueza, muitos outros, quase todos nós para ser mais concreto, ficámos bastante mais pobres.
A economia tem destas coisas, quando se ganha na especulação, perde-se em regra nos rendimentos do trabalho. É aqui que o Estado, os governos mais exactamente, têm de intervir para que a riqueza gerada seja injectada no sector produtivo, ou então devidamente taxada, para que exista a efectiva redistribuição da riqueza.
Os portugueses estão então, cada vez mais pobres, meus senhores!

««« - »»»
Política e Verão

««« - »»»

Memória - 30 anos

««« - »»»

Fotografia e Cinema

sergento


K Valeri

««« - »»»

Humor Bolsista
R.J. Matson

15 comentários:

Anónimo disse...

;-)

como ainda nem me apetece falar dos nojentos politicos,
és tu Guardião na foto com a máquina de tripé e vestido de sportimguista? .-D


Sulista

Zé Povinho disse...

Afinal quem manda? O guito, meu amigo, o guito.
Bate-lhes, que eu vou fazendo o mesmo.
Abraço do Zé

o guardião disse...

Sulista
O descanso continua porque o bloguito está a banhos. Obrigado pela visita, e olha que não fiquei na fotografia, nem tão pouco sou do Sporting, já bastam os meus filhos...

Zé - Tens razão. Com dizia a Lisa - money makes the world go around.
Cá vou fazendo a minha parte.

Cumps

ANTONIO DELGADO disse...

DE facto se vir-mos os jornais e revistas semanais os grandes donos de Portugal são das poucas pessoas que aparecem a rir nas fotos...porque será? obviamente que não falos dos tolos dessas outras revistas vacuas de pseudo-sociedade...onde nem mesmo ai, alguns conseguem deixar os sorrisos de tolos chapados.
...Infelizmente é o vil metal que movimenta o mundo.

Um abraço
Antonio Delgado

Joca disse...

Vi a lista e parece-me que faltam por lá uns quantos figurões, ou será que só andam a fazer bluf, e não têm cheta apesar de de "cagarem" milhões?
Uns contam os tostões, outros exibem milhões, viva o xuxalismo...
Fui

CORCUNDA disse...

Tipicamente latino-americano. Cada vez é maior o fosso entre ricos e pobres e pelos vistos os nossos (des)governantes não estão muito preocupados com tal facto.
Quando é que o povinho abrirá a pestana e dará a varredela há já muito necessária nesta classe política incompetente?
Abraço.

Tiago R Cardoso disse...

Será que nos podemos gabar que, em Portugal, alguma coisa está a aumentar. Eu tenho conhecimento que é muito fácil duplicar a fortuna, quando os trabalhadores das suas empresas são contratados, nas empresas de trabalho temporário e com contratos ao mês, se houver trabalho ficas, se não houver vais embora no final do mês, é claro que nunca ficas o tempo suficiente para entrares para efectivo.

AnarKa disse...

A riqueza a acumalar-se desta maneira e o número de pessoas com a corda na garganta a aumentar a cada dia que passa. O trabalho e a produção preteridos pela especulação.
Isto é um Xuxalismo de M...

J.G. disse...

Os números não enganam !

cumps

Odysseus disse...

É em todo o mundo, não só em Portugal que s epassa essa situação, e nos padrões actuais das sociedades modernas, mais irá acontecer.

Cumprimentos

C Valente disse...

Os ricos cada vez mais ricos, os pobres cada vez mais pobres, isto é o socialismo no seu melhor.
e como li á dias os coitados dos governantes que ganham pouco, mas o seu lugar serve de trampolim , como investimento a outros dinheiros mais altos

MouTal disse...

Caro amigo
Isto dos ricos cada vez mais ricos e dos pobres cada vez mais pobres, tem a ver com a "lei das compensações". É por isso que Deus dá uma perna mais curta, a quem nasce com uma mais comprida...
Abraço.

Meg disse...

Então não é razão para estar triste?
Um abraço

adrianeites disse...

o pior é que honestamente não se avistam planos de combate a estas assimetrias!

a foto da bolsa está muito boa!

cp's

o guardião disse...

Caros leitores
Eu não escrevi este artigo para vos deixar deprimidos, mas tão só para relatar a situação conforme ela é.
Nós vamos dar a volta por cima, ainda que tenhamos que deitar alguém abaixo - é a lei das compensações referida pelo amigo MOUTAL.
Cumps