domingo, abril 24, 2011

BANCA - QUESTÕES SEM RESPOSTA

A economia e a banca têm características e comportamentos que não devem ser para o cidadão comum entender, ou que pelo menos necessitam de explicação de alguém que tenha a capacidade para descodificar o economês.

Com a deterioração da situação económica e social do país, os cidadãos começaram a reduzir significativamente o consumo e trataram de acautelar as suas poupanças e investimentos, procurando alguma segurança para os seus pecúlios. Foi notório o abandono de investimentos a longo prazo, e de outras aplicações de maior risco e difícil resgate, em favor de investimentos menos arriscados, a mais curto prazo e disponíveis logo que necessário.

O abandono dos Certificados do Tesouro foi acelerado bem como o de outros títulos de aforro de prazos maiores. O dinheiro das famílias voltou em força aos bancos, onde os depósitos têm subido desde 2008 atingindo valores que são os mais elevados desde 1989, sendo de um montante global de quase 120 mil milhões de euros.

O inexplicável para o cidadão comum, como eu, é que os bancos emprestam cada vez menos e têm necessidade de dinheiros do Estado para um fundo de garantia para os seus depósitos. É inexplicável que os bancos tenham tão elevado montante de economias dos portugueses à sua responsabilidade e ao mesmo tempo estejam com problemas de liquidez.

Pode ser que os termos que eu utilizei não sejam os mais correctos para os senhores economistas, mas o que é verdade é que não entendo a razão de terem de ser os depositantes a contribuir via impostos para fundos de garantia para os bancos, quando os bancos usam os seus dinheiros para obterem lucros simplesmente fabulosos, que distribuem abundantemente por accionistas e gestores, sem se preocuparem com a segurança do dinheiro dos seus clientes.

««« - »»»
Humor Depenado

««« - »»»
Pintura - Pântano
by vojavoja

4 comentários:

Anónimo disse...

Quem é que julgas que trabalha para encher os bolsos dos magnatas?
Lol

AnarKa

Pata Negra disse...

banca rota já! vou investir numa fábrica de panelas e ai dos paneleiros que se metam nelas! o sistema financeiro do capitalismo está falido! porque teimam em insistir? fmi?!
Um abraço páscoo

São disse...

O grave é que me parece que já nada é para entender...

Uma feliz Páscoa e em boa companhia.

Isamar disse...

Este modelo está esgotado. Tirar de um lado para pôr noutro é uma panaceia.

Bem-hajas, amigo!

Páscoa Feliz!