domingo, novembro 25, 2012

OS SACRIFICADOS

O panorama para os trabalhadores portugueses é cada vez mais negro, pois apesar de todo o aperto de cinto imposto pelo governo, Portugal continua a ver a sua dívida pública a subir, e a recessão é cada vez mais evidente.

De todos os impostos, e são muitos, o único que tem contribuido todos anos em sentido crescente tem sido o IRS, enquanto os outros impostos, apesar dos aumentos impostos, têm vindo a decrescer.

Directamente nas despesas do Estado o que mais pesa são os cortes nos subsídios de férias e de Natal dos funcionários públicos e pensionistas, o que não obsta que a despesa do Estado aumente, não só pelo aumento das despesas sociais e sobretudo dos encargos da dívida pública.

O ano de 2013 apresenta-se ainda mais negro para quem trabalha, amenos que o povo se una e decida acabar com estes sacrifícios inúteis por causa da incompetência e teimosia dos governantes.


2 comentários:

Anónimo disse...

É sempre a quem trabalha que esses abutre atacam quando têm que disfarçar a sua ignorância e a incapacidade para governar.

maceta disse...

não é só incompetência, é tambem ideologia manhosa...

cumpts