sexta-feira, agosto 06, 2010

FILANTROPIA

A notícia que vos trago veio dos Estados Unidos, onde alguns multimilionários prometeram doar parte das suas fortunas para a caridade.

Os impulsionadores deste compromisso foram Warren Buffett e Bill Gates, que conseguiram convencer outros multimilionários americanos. A filantropia destes dois investidores é conhecida pelas generosas doações do primeiro e da Fundação do segundo que desde 1994 está em campo.

Esta notícia da filantropia destes americanos, contrasta com a reacção dos políticos portugueses, especialmente dos que estão no governo, quando um membro do clero católico sugeriu que eles bem podiam ajudar com os seus salários, os pobres deste país.

Reconheço que há diferenças evidentes entre os proveitos dos multimilionários americanos e os políticos nacionais, mas uns são solidários os outros assobiam para o ar e dão à sola antes que alguém os envergonhe.

Quem conhece o voluntariado e a pobreza que grassa por todo o lado, sabe bem que os mais solidários são aqueles que estão um pouco acima do patamar da pobreza, e não os mais abastados, muito menos os políticos. Quem quiser aferir o que digo, faça um esforço e acompanhe uma das muitas entidades que praticam o voluntariado, e ajudam os sem abrigo e os mais desfavorecidos.



««« - »»»
Fotos Escolhidas
By José Miguel Rodríguez

By José Miguel Rodríguez

««« - »»»
Humor com 2 Cavalos
Claud Serre

Claud Serre
998

3 comentários:

Anónimo disse...

Filantropia é conceito que não faz parte do vocabulário daqueles palermas. À moi, isso eles praticam até bem demais.
Das motas aos dois cavalos vai um saltinho.
Bjos da Sílvia

São disse...

Aliás, basta olhar para Jardim Gonçalves e Filipe Pinhal, membros da Opus DEi: que ética têm? Qual a contribuição para o combate á pobreza? Já para não falar em Amorim e Belmiro, por exemplo.

Saudações.

MARIA disse...

É verdade, sem dúvida nenhuma.
E sabe porquê? Porque é preciso passar alguma vez por qualquer privação para compreender o significado dessa falta, em todo o seu alcançe.
Quem tem muito, nunca supõe que um dia possa ter falta de algumas coisas e muito menos compreende a falta que certas pequenas coisas podem fazer quando não se tem nada.

Acontece que por vezes o inimaginável acontece e pessoas que tinham muito para dar, ficam em situação de precisar de receber.

A vida é surpreendente para todos e poucos são os que estão verdadeiramente preparados para ela.

Um beijinho meu amigo, é sempre uma honra recebê-lo no meu blogue, um gosto grande rever ali um comentário seu.

Maria