domingo, julho 15, 2007

A REAL COZINHA


««« - »»»
A COZINHA DO PALÁCIO NACIONAL DE SINTRA


A cozinha de qualquer habitação é um espelho da utilização que os proprietários lhe dão, ao seu estilo de vida e ao número de pessoas que lá desfrutam dos prazeres da mesa.
Quase todos conhecemos cozinhas de mosteiro e de conventos, mas são poucos os palácios em todo o mundo que disponibilizam uma visita às suas cozinhas, com a excepção dos construídos depois do século XIX.
Hoje pretendemos divulgar algumas imagens da cozinha do Palácio Nacional de Sintra, encimadas pelas duas chaminés cónicas que intrigam muitos dos que apreciam o edifício pelo seu exterior. É precisamente sob essas chaminés com mais de trinta metros de altura que se encontra uma magnífica cozinha, onde se preparavam refeições para os reis e parte da sua corte, que os acompanhava nas suas estadias neste local. O espaço é grande, enorme mesmo, mas adequado ao número de pessoas que por lá se reuniam. O seu aspecto actual reflecte alterações dos séculos XVIII e XIX, mas mantém ao mesmo tempo os vestígios de utilizações muito anteriores, por exemplo os espetos, as arcas salgadeiras, os ganchos de pendurar carne, a estufa em ferro e os dois fornos.
Esta magnífica cozinha é apenas uma das diversas salas que se podem visitar, gratuitamente aos domingos até às 14 horas, no Palácio Nacional de Sintra. Não têm desculpas para continuarem a dizer que as entradas são caras, ou que não conhecem este monumento porque nem sequer imaginavam que tivesse algum interesse.


Texto e imagens do Palaciano


««« - »»»

Fotografia

Recebida por mail

««« - »»»

Humor Alimentar

Steve Nease

Julius Hansen

7 comentários:

Anónimo disse...

ihihihihi...muito humor e
do bom. tds os cartoons são mt bem esgalhados ;-D


Qt à cozinha, é um espetcaculo mesmo :-) Já perdi a conta das vezes que lá fui ao Pal´cio...sempre que cá vêem familiares do estrangeiro ;-)

Abraços


SULISTA

o guardião disse...

Estamos aqui para agradar aos amigos, cara Sulista.
Cumps

C Valente disse...

Conheço o palácio e as cozinhas.
tambem já vive na linha de Sintra, mais propriamente em S. Marcos.
Quanto a votos a opção é de cada um, mas estou capaz de estar de acordo contigo.
Saudações

Maria Faia disse...

Amigo Guardião,

Começar o dia, pela manhã, rindo um pouco com os seus excelentes cartoons, é um privilégio.
E, quanto a Sintra... bem, é um encanto.

Beijinho e bom domingo.

Meg disse...

Mestre Cuca... está bem. Mas perante um naco de presunto destes na minha frente, confesso que não tenho coragem de comentar os bonecos... é que fico com remorsos. Isso é traição,Guardião. Não se faz.
De cozinhas, sei que sabes que eu gosto... estou a lembrar-me do Mosteiro de Alcobaça. Esta que mostras hoje, é mais uma que não conheço. Lamentávelmente.
Um abraço

papagueno disse...

É uma cozinha muito jeitosa, e aquelas chaminés são magníficas, nem os modernos exaustores se comparam :)
Um abraço

o guardião disse...

Amigos
Para os que conhecem esta cozinha, faz sempre bem recordar dando uma olhada às fotos, para os que não conhecem é um convite para lá irem quando tiverem uma oportunidade. O presunto foi lá parar, porque gosto (muito) e porque vinha a propósito.
Exaustores? Não faziam falta com toda a certeza eheheh
Cumps