segunda-feira, fevereiro 01, 2010

O CENTENÁRIO

Este governo está em funções há 100 dias, para mal dos nossos pecados, e resolveu comemorar a data como se não tivesse nada mais importante para fazer.

Os erros no cálculo do défice de 2009 afinal foram resultado da conjuntura e aumentou “por boa razão” a acreditar nas palavras de Sócrates e de Teixeira dos Santos. O mais extraordinário que o senhor ministro das Finanças veio dizer, foi que os funcionários públicos não perdem poder de compra (apesar do congelamento dos salários), e que no conjunto dos anos de 2009 e 2010 até ganham. Podia ter-se referido aos últimos 10 anos, que era uma atitude mais honesta, mas percebemos a dificuldade do senhor ministro.

O governo aproveitou as comemorações para lançar a 1ª pedra do futuro Museu dos Coches, que por acaso era um simples tijolo. Pompa e circunstância perante uma plateia onde se perfilavam os interessados no “negócio”. A Cultura que não foi bafejada pelo orçamento com verbas que lhe dessem alguma estabilidade e segurança, mormente na área do Património, não terá grandes razões para estar satisfeita, apesar do novo museu.



««« - »»»
Fotos de Coches



««« - »»»
Humor Incendiário

6 comentários:

Ferreira-Pinto disse...

Valha-nos pelo menos que vai haver um novo museu!

São disse...

...e se assaltassemos o Museu dos Coches e saíssemos daqui para fora em charrete?!

Tudo de bom.

Anónimo disse...

Há dinheiro para festas e museus novos mas o resto do património vai-se esboroando por falta de dinheiro.
Este país não existe...
Lol

AnarKa

Cata- Vento disse...

Infelizmente continuamos a ouvir discursos pouco ajustados à realidade, que não agradam a muitos de nós mas o que é certo é que o governo foi reeleito.
As comemorações dos 100 dias eram absolutamente dispensáveis.E a crise continua!

Bem-hajas!

Um abraço

Meg disse...

Guardião,

E quem pode estar satisfeito?

Espero que esteja tudo bem... estranho-te a ausência aqui no teu espaço.

Um abraço

All About Ebook disse...

Nice blog......... I Like this blog