segunda-feira, novembro 20, 2006

TRIBUNAIS AD HOC ?


A justiça em Portugal não deixa de nos espantar, agora são os tribunais arbitrais ad hoc para julgamentos milionários!
É a justiça privada a impor-se e até o Estado recorre a ela, como aconteceu no caso do Hospital Amadora-Sintra do Grupo Mello onde de credor passou a devedor no valor de 38 milhões.

Fonte DN de 20/11/2006

3 comentários:

Sou roubado disse...

Não há crise, a malta vai pagando até não poder mais...

Anónimo disse...

Em tribunais normais ou especiais, há sempre mais uma diligência, um recurso, um incidente seja lá o que for, que conduz à impunidade de quem PODE!

Anónimo disse...

Então não "semos" todos iguais perante a Lei ?
Que novidade...