quarta-feira, outubro 04, 2017

GENTE ESPECIAL

Depois dos projectos PIN (potencial interesse nacional), agora temos os VER (visto especial de residência), demonstrando-se assim que a burocracia atinge apenas alguns, porque haverá sempre quem esteja acima dos procedimentos normais, por uma qualquer razão, muito especial...


1 comentário:

Anónimo disse...

A Maria dos Anzóis nunca seria recebida pela ministra, e muito menos à socapa depois do horário de trabalho, o que não abona nada em favor da ministra da tragédia de Pedrógão Grande. O interesse público é sempre relativo, não é senhora ministra?
Joca