domingo, maio 21, 2017

O OPORTUNISMO DA MALTA DO PAPEL

Já começa a ser habitual ler-se nos jornais "os malabarismos" dos "grandes tubarões", ou melhor, dos nossos empresários de sucesso, que acompanham os governantes nas suas comitivas, que são tantas vezes elogiados e até condecorados, pelos seus feitos empresariais.

Agora ficou a saber-se que o seu patriotismo é exemplar, e que para muitos é melhor pagar poucos impostos e noutro país, do que pagar mais no próprio país. É fácil domiciliar empresas noutros países, ainda que ganhem o dinheiro cá dentro, onde pagam mal aos seus trabalhadores, sendo que estes pagam cá os seus impostos. Estes empresários não se eximem de pedir dinheiro cá dentro, por vezes pedindo ajudas do Estado, perdões fiscais e condições especiais de pagamento do que devem, sabendo que depois vão driblar o fisco e beneficiar outro país onde nem sequer têm actividade produtiva.

Sucedendo aos Panamá Papers aí estão os Malta Papers, ou melhor, a Malta do Papel que explora o país e os seus concidadãos, e anda por aí a "cagar postas de pescada", julgando que o seu oportunismo não cheira mal a léguas de distância. 


1 comentário:

Elvira Carvalho disse...

E nunca mais acaba
Um abraço e bom fim de semana