quarta-feira, março 01, 2017

APOSENTOS REAIS

Muita gente conhece o Palácio Nacional de Sintra, um dos antigos palácios reais que mais visitas recebe, e certamente o mais antigo ainda existente.

Quando se lê sobre a utilização deste monumento fica a saber-se que foi usado até 1910, altura em que foi implantada a República em Portugal.

O que é visto no percurso museológico são espaços carregados por séculos de História, o que se compreende, e a utilização das últimas décadas é esquecida aqui, porque pode ser melhor contada noutros espaços construídos mais tarde.

A actual Sala Manuelina já foi o local dos aposentos do rei, que Raúl Lino destruiu na década de 30 do século passado, e o mesmo aconteceu aos aposentos do príncipe D. Afonso (O Arreda) que se situavam na Sala das Galés.


O espaço dos aposentos da rainha, já com as marcas de Maria Pia (tecto do quarto de dormir), ainda existe, mas não são visitáveis nem estão devidamente decorados.  


1 comentário:

Elvira Carvalho disse...

Já fui várias vezes a Sintra, mas neste palácio nunca consegui entrar. Ou porque vou direcionada para outros, ou porque estou de passagem, o certo é que só o conheço por fora.
Um abraço e um Março sereno e feliz