sábado, junho 18, 2016

MATERIAL DE COMBATE A INCÊNDIOS – PAÇO REAL DE SINTRA

Não venho falar de meios de combate a incêndios existentes na actualidade, que certamente o Palácio nacional de Sintra terá, modernos e adequados a um edifício com as características particulares que muitos bem conhecem.

O objecto de que vos quero falar hoje é uma pequena “bomba aspirante-premente, braçal, com picota e depósito incorporado, assenta em quatro pequenas rodas”, como está descrita num painel expositivo.


Esta bomba terá sido encomendada pela casa real, serviu no Paço de Sintra, e mostra as armas reais portuguesas como era da praxe. Terá sido construída (em 1802) na fábrica do Inspector-Geral dos Incêndios de Lisboa, Mateus António da Costa, nomeado para o cargo em 1794.


2 comentários:

Anónimo disse...

Obrigado por me teres enviado isto antes da publicação, que eu tive tempo de consultar os velhotes amigos, e ninguém conhecia a peça, muito menos a sua ligação a Sintra e ao Paço.
Sempre atento.
Bjo da Sílvia

Elvira Carvalho disse...

Muito interessante.
Um abraço e bom Domingo