sexta-feira, fevereiro 13, 2015

REEMBOLSO OU TROCA DE DÍVIDA?

Uma das bandeiras mais recentes deste executivo é a do reembolso antecipado ao FMI de parte da dívida.

O pagamento antecipado é, à primeira vista, uma coisa boa se o fazemos com dinheiro obtido com um superavit, mas não é disso que estamos a falar.

A antecipação do pagamento ao FMI, é basicamente uma troca de dívida por outra a juros mais baixos. No essencial esta operação é uma renegociação da dívida, nos seus efeitos práticos. Para os mais cépticos faço notar que faço notar que a operação necessita de ser aprovada por diversos parlamentos europeus, afinal os credores, tal como aconteceria numa renegociação dos juros da dívida.


Criticar a Grécia por querer renegociar a dívida só porque os mercados não lhes emprestam dinheiro a juros mais baixos do que os da troika, é como cuspir para o ar, porque isso também nos pode acontecer se nos puxarem o tapete.


4 comentários:

Anónimo disse...

Uma renegociação que só acontecerá com a concordância dos credores europeus.
Bjo da Sílvia

O Puma disse...

Aprender com a Grécia

para que nada fique como está

Elvira Carvalho disse...

O PM e seus comparsas esquecem que tem telhados de vidro.
Um abraço e bom Carnaval

maceta disse...

os canalhas adoram os mercados...