domingo, dezembro 14, 2014

“O TESOURO DA ECONOMIA PORTUGUESA”



Paulo Portas veio dizer o óbvio, que o Turismo é o grande impulsionador da economia nacional, numa altura de crise económica, pois ao contrário do que seria de esperar, mostra um crescimento muito acima do verificado nos outros sectores.


Espera-se que em 2014 Portugal vá ultrapassar os 15 milhões de turistas, o que significa um crescimento em número e em rentabilidade das empresas na casa dos dois dígitos, o que é simplesmente notável.


Há dois aspectos ligados ao turismo onde o Estado não se tem empenhado como devia, que são: o Turismo Cultural e a nossa companhia aérea de bandeira.


No Turismo Cultural é notório o desinvestimento na Cultura em geral e em particular no Património Cultural, onde as verbas investidas foram curtas e insuficientes para uma verdadeira política de revitalização do Património edificado.


O caso da TAP é também um mau exemplo da acção do Estado, pois a teimosia na sua privatização pode ter resultados desastrosos para a captação de turistas, especialmente dos mercados que estão agora em crescimento, pois a sua venda a estrangeiros pode ser um factor de desvio de rotas, sem preocupações com a economia nacional no seu conjunto.


O tal tesouro de que fala Portas existe, apesar da falta de estratégia do governo a que pertence, e esperemos que o não consigam destruir...

Leitura de interesse AQUI



2 comentários:

Anónimo disse...

Um desgoverno de incultos ...
Bjos da Sílvia

São disse...

Estas criaturas do Podertêm uma noção de Cultura igual à que eu tenho de Matemática, isto é, muito pouca.

Bom serão