terça-feira, dezembro 16, 2014

AUMENTO INEXPLICÁVEL



O aumento da conta da luz já a partir de Janeiro, em 3,3%, é o maior aumento verificado nos últimos anos, e incide precisamente sobre os consumidores que ainda estão no mercado regulado.

Começando precisamente pelo “mercado regulado”, que estaria na alçada da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), ficamos a saber que existe cada vez mais pressa em “mandar” para o mercado não regulado, os portugueses que resistiram procurando ser defendidos pelo Estado.

Este aumento é tanto mais inexplicável porque estamos num momento em que o petróleo está num preço extremamente baixo, com também temos uma situação favorável no que respeita a recursos hídricos, verificando-se níveis elevados de água em todas as barragens produtoras de energia.

Estão reunidas todas as condições para baixar os preços da energia eléctrica, e com esta decisão da ERSE os consumidores são os únicos prejudicados, e os que vão beneficiar dela serão a EDP, e por arrasto todos os distribuidores da energia do mercado não regulado.



1 comentário:

São disse...

Não há outra explicação senão esta : estamos a ser roubados ( detesto o termo, mas não há outro )

Boa semana