quinta-feira, setembro 04, 2014

O EXPECTÁVEL DEVIA SER EVITADO

A senhora ministra da Justiça veio agora admitir que falhas no Citius eram expectaveis, e que era impossível evitá-las. 

A desculpa é fraquinha, mesmo muito fraquinha, porque a um governante duma área tão sensível como a Justiça, exige-se que seja cauteloso e que tenha tudo preparado para evitar falhas, ainda para mais porque elas eram expectáveis. A leveza com que se avançou sem acautelar os problemas diz muito sobre a qualidade da Justiça que a senhora ministra proclama resultar desta reforma em curso.


Cada vez mais me parece que a saudosa Ivone e o Camilo fizeram esta rábula ontem mesmo...

2 comentários:

O Puma disse...

De Atalaia

em festa

Elvira Carvalho disse...

Dizem que a justiça é cega, e a ministra deve estar a precisar de uns óculos bem graduados.
Um abraço e bom fim de semana