sexta-feira, outubro 26, 2012

SEI LÁ SE É



Andam por aí uns funcionários das entidades que nos emprestaram dinheiro a um juro bem generoso, que se dão ao desplante de debitar uns palpites sobre o que Portugal tem que implementar, a menos que se queira habilitar ao fecho da torneira.

Sempre ouvi dizer que quanto mais nos baixamos mais o cú se nos vê, e é perante a submissão absoluta dos nossos governantes que estes funcionários subalternos se colocam em bicos dos pés e dizem o que lhes apetece.

Já tinham dito que os portugueses ainda não tinham atingido o limite do esforço em sede de IRS, que até estava abaixo da média superior da UE, e agora vêm acrescentar que temos o subsídio de desemprego “mais generoso da Europa”.

Eu já sei lá se é funcionário do FMI ou outra coisa qualquer, o fulano que debitou esta bacorada, o que sei é que temos dos salários mais baixos da Europa, e somos dos que ficamos com menos rendimento líquido mensal, depois de pagar os impostos que sobre nós são lançados. Se o funcionário quiser que alguém lho demonstre, basta tentar governar-se com um salário mínimo nacional enquanto por cá ficar.  



2 comentários:

São disse...

Estes tipos estrangeiros só tem esas tiradas imperialistas, porque o Governo de Passos/Portas está composto de traidores , ainda por cima incompetentes!!

Bom final de semana

Anónimo disse...

Passos e Portas não são apenas traidores e incompetentes, são paus mandados da MerKel e dos grandes interesses instalados.
Bjos da Sílvia