quinta-feira, setembro 06, 2012

O SENHOR NIM

Há pessoas que nem perante as evidências são capazes de admitir que cometeram erros, e um dos exemplos mais presentes é o do 1º ministro Passos Coelho.
Costuma dizer-se que quem nega a evidência vive em estado de negação, e a frase de Passos Coelho ao dizer que nenhum de nós (PSD e CDS) está em condições de dizer “se vai ou não aumentar impostos”, é paradigmática.
Quando o aumento exagerado da carga fiscal, aliada à redução dos salários, já demonstrou que resulta numa diminuição das receitas arrecadadas pelo Estado, há que arrepiar caminho e encontrar outras soluções, mas há quem não queira admitir que esteve errado desde o princípio.
O país não ganha nada com esta austeridade estúpida, e com este governo e com este 1º ministro não podem aspirar a mais nada do que empobrecer ainda mais. Quanto tempo mais iremos nós suportar esta canga? 
««« - »»»
Humor da Caserna
««« - »»»
Fotografia de Férias
By Palaciano

5 comentários:

BlueShell disse...

Concordo em absoluto. Uma teimosoa que nãoleva a lado nenhum...ou melhor...leva,lev ao desastre...ainda maior. E pergunto também...até quando? O "povo é sereno" até começar a faltar comida na mesa...

Férias...no "Paraíso , hein?"?
Eu não saí de casa...digo...de Mangualde...que, afinal,...é "casa"!

Bj

Anónimo disse...

Correr com essa corja a pontapé e/ou enfiá-los no cárcere mais obscuro dum país dos confins da terra, é a a única solução.
Bjos da Sílvia

maceta disse...

estamos a falar de uma nódoa...

cumpts

Pata Negra disse...

NIM: Néscio Imbecil Mentiroso!
Vou confessar a minha impotência: tenho um bom par de tomates mas para envenenar esta gente é preciso uma horticultura!
Um abraço se depôr os braços

Metalurgia das letras disse...

Fico com a agradável música e a bela paisagem. Quanto aos tomates que apodreçam... Pois não me parecem boa coisa...