sexta-feira, abril 06, 2012

CONTESTAÇÃO E MOTIVAÇÃO

Os incidentes entre a polícia e alguns manifestantes na zona do Chiado, por altura da última greve geral, foram investigados e o governo acabou por afirmar que em geral a actuação da polícia foi correcta e apenas relevou o caso dos jornalistas agredidos, como passíveis de algum excesso.

É lamentável que apenas tenham sido tidos em conta os casos que envolveram os dois jornalistas, exactamente por serem jornalistas, e não por um óbvio excesso por parte dos agentes que se vêem nas imagens, independentemente de tudo o resto.

O que esteve completamente deslocada foi a afirmação atribuída ao ministro da Administração Interna segundo o qual os incidentes teriam sido planeados por radicais. Juntando isso a uns rumores segundo os quais a polícia esperava incidentes greves nesse dia, temos o caldo de instabilidade em que os agentes terão actuado.

O recente suicídio de um pensionista grego em plena Praça Sintagma, e mesmo em frente ao parlamento grego é um aviso sério aos governos que teimam em persistir na austeridade e sem a devida protecção social.

A miséria nunca foi boa conselheira, e já há muita gente que pouco ou nada tem a perder, pelo que não será com repressão ou à bastonada que se irão resolver os problemas, mas sim com emprego e com suficiente protecção social.

4 comentários:

maceta disse...

o ministro tem uma carinha...


cumpts

Metalurgia das letras disse...

Gostaria de ver o políticos receberem o mesmo tratamento que oferecem aos grevistas e trabalhadores. "O povo além de sofrer no bolso, ainda tem que sofrer na pele literalmente".

Anónimo disse...

Chegará o dia em que lhes seja apresentada a conta, e não terão sequer polícias para os defenderem.
Lol

AnarKa

São disse...

Tenho a alma entristecida e estou revoltada-

Não sabia que aquela senhora loura atirada ao chão sem mais nem menos era uma perigosa criatura radical...talvez por isso, o vídeo desapareceu milagrosamente do meu facebook!

Que a sua Páscoa, junto aos seus, tenha muita esperança e alegria