domingo, junho 19, 2011

NÃO SOU CONSERVADOR

Não sou um conservador e tenho bastante dificuldade em entender muitos conservadores, tanto dos que assim se denominam como daqueles que se dizem liberais.

Pode até ser que esteja contra a corrente, já que a Europa parece ter virado à direita, após a esquerda se ter esquecido dos valores que defendia e ter enveredado pela terceira via e por um liberalismo que não fazia parte da sua matriz.

Hoje resolvi falar disto após ter lido sobre uma proposta do deputado conservador britânico, Philip Davis, num debate na Câmara dos Comuns sobre o salário mínimo e oportunidades de emprego. 

Aconselho vivamente a leitura deste texto, principalmente a quem discorde do que eu aqui escrevo.

««« - »»»
Foto - Gato Sedento

««« - »»»
Humor com muita Pica

2 comentários:

diletante disse...

Li e fiquei agoniada...
E senti uma repulsa enorme.
E sinto!!!
Não será melhor exterminar os deficientes?
OU O DEPUTADO! IRRA!!!

Um abraço

Anónimo disse...

Por essas e por outras eu virei anarka. Os políticos cada vez me metem mais nojo!
Lol

AnarKa