sexta-feira, junho 05, 2009

RECIBOS VERDES

Quando somos nós a discutir cá no burgo a praga dos recibos verdes, tudo tem um aspecto de conversa de café, salpicada aqui e ali com uns relatos que ouvimos de amigos e conhecidos. Eu particularmente não sou destes tempos e reajo muito mal a isto tudo.

Não estive a ler a nossa imprensa, mas sim a imprensa francesa, exactamente o Le Monde. Imaginem uma publicação em francês a tentar descrever uma indecência celebrada em português.

O articulista refere mais detalhadamente o caso de um jornalista, mas seja por não ser um caso vivido na primeira pessoa, ou porque na tradução sempre se perde algo, a perversidade do sistema sai com uma imagem menos medonha do que tem na realidade.

Ainda que adocicada pela língua, a situação dos recibos verdes, praticada até pelo Estado (também lá está), envergonha uma nação, não só pela mentira descarada, mas admitida pelas autoridades que fecham os olhos à irregularidade, mas também porque os afectados por esta praga podem estar muito perto do milhão de portugueses.

Será que os nossos doutos políticos e agentes da justiça, percebem melhor a situação em francês? É que em português já circulou por todos os canais informativos, por isso talvez tenha outro impacto, mudando de idioma.



««« - »»»
Fotos - Variação do Mesmo Motivo
753 by ThErEaLDoLLyFrikka

641 by ThErEaLDoLLyFrikka

««« - »»»
Humor Brasileiro
À vez por Junião

Porco Sujo de Gustavo Duarte

6 comentários:

Isamar disse...

Mais uma vergonha , entre outras, que, adocicada por língua estrangeira, não deixa de ser uma afronta para quem tem o direito ao trabalho. Outras formas mais modernas de escravatura mas não menos humilhantes do que as de outrora.

Um abraço amigo

Bem-hajas!

Anónimo disse...

As nossas lei laborais estão completamente pervertidas, e até o Estado lhes dá interpretações no mínimo discutíveis.
A escravatura reinventa-se num mundo assumidamente capitalista.
Lol

AnarKa

escarlate.due disse...

mais que praga!!!
e bem podem tentar adocicar que não há língua que o consiga

Anónimo disse...

Amanhã pode-se votar, vamos cascar neles.
Bjos da Sílvia

marreta disse...

Estão há muito tempo a precisar que se troquem os recibos verdes por cartões vermelhos...
Infelizmente parece-me que ainda não é desta que o povo se vai livrar dos recibos e puxar pelos cartões...

Saudações do Marreta.

tulipa disse...

Querido Amigo

Pois...hoje é que vou ver o que o "Povinho português" escolheu para nos "defender" na Europa!!!
Veremos se estão preocupados com esta situação ou outras também ridículas...

Hoje estou virada para análises e meditar sobre o que tem sido a minha vida nos últimos meses.
Vê tu bem, com tanta escrita esqueci-me de fazer referência à minha 1ª exposição individual de fotografia...que também aconteceu neste espaço de tempo!!!

Decidi fazer uma curta análise da minha vida nos últimos 4 meses e passei-a para um post hoje mesmo. Gostaria que lesses (se tiveres paciência, lógico) pois ainda são algumas linhas...
Resumindo acho que:
Tudo o que decidi e fiz valeu a pena, porque há uma ordem lógica, difícil de explicar, para a sucessão de experiências que se vão passando na vida.
Na próxima semana vou iniciar a apresentação das fotos do cruzeiro.
Hoje, apenas digo:
"Gracias a la vida, que me ha dado tanto..."

Boa semana.
Beijinhos.

(encontras este texto no Blog "Momentos Perfeitos")