sábado, janeiro 03, 2009

FARTURA INEXPLICÁVEL

Como o orçamento para a Cultura em 2009 vai ser ainda menor do que em 2008, toca a anunciar um investimento de 31,5 milhões de euros num só museu, como se isso pudesse ofuscar a penúria que grassa na área do Património.

Com inauguração prevista para 2010, o novo Museu dos Coches, até podia ser uma notícia relevante e uma grande alegria para todos os que se preocupam com o Património, mas perante o panorama geral que está bem espelhado nos números indicados no OE de 2009, é apenas um caso que destoando da generalidade nos deixa muitas questões para as quais não temos respostas.

Qual é a pressa neste projecto, tantas vezes adiado, precisamente numa altura de crise económica? O Ministério da Cultura e os institutos responsáveis pelo Património não têm muitos outros locais onde é imperioso investir, que não vão receber verbas condizentes com as necessidades mais prementes?

Há interrogações sem resposta, falta de dinheiro para acudir a necessidades ligadas à manutenção de museus, palácios e monumentos, e Pinto Ribeiro não tem nada a dizer aos portugueses. Prometeu fazer mais com menos dinheiro, mas quando se fala de Património, primeiro atende-se à conservação e só depois se parte para novas e melhores instalações e outros novos projectos.



««« - »»»
Fotos - Instrumentos
Love music by rockermidge

The movement of time by Virgil-et-Virtus

««« - »»»
Humor Repescado
Son salvador

Quinho

8 comentários:

A. João Soares disse...

Caro Guardião,
É a velha incoerência entre as várias decisões que, só por milagre, correspondem às condições da situação. Os políticos deviam preparar cada decisão seguindo um método semelhante ao preconizado no post de 4 de Dezembro intitulado «Pensar antes de decidir».
Com tanta ausência de critério racional, os nossos escassos recursos são esbanjados estupidamente, aumentando a miséria nacional.
Um abraço
João

FERNANDA & POEMAS disse...

Querido Amigo, estou plenamente de acordo contigo... Infelismente este vai ser um Ano de penúria... Um grande abraço de carinho,
Fernandinha

Tiago R Cardoso disse...

Pode faltar dinheiro em muitas coisas, mas na crise fazer obras de regime para encher o olho do cidadão é normal.

elvira carvalho disse...

Depois de uns dias de ausência, (desta vez foi o pc que foi para o hospital) estou de regresso.
Agradeço-lhe e retribuo os votos de bom 2009.
Um abraço e bom fim de semana

Meg disse...

Caro Guardião,
A do Património é de há muito uma guerra que parece perdida. Será que é enteado deste govarno também?
Acho que sim... que não há nada a fazer!

Um abraço

elvira carvalho disse...

Depois de uns dias de ausência, (desta vez foi o pc que foi para o hospital) estou de regresso.
Agradeço-lhe e retribuo os votos de bom 2009.
Um abraço e bom fim de semana

Anónimo disse...

O coveiro, perdão, o ministro está lá a cumprir instruções do patrão, perdão, do chefe do executivo. A ordem é desmantelar, pelo menos é isso que transparece, tanta é a asneira praticada.
Lol

AnarKa

escarlate.due disse...

Nunca ouviste falar em "desviar atenção"?
ah pois