domingo, agosto 17, 2008

DOMINGO

O dia nasceu, o Sol brilhava no céu e a aragem soprava leve e fresca pela manhã. Não me apetecia ir para o computador e pegar no trabalho que está quase finalizado, logo decidi tomar um daqueles pequenos-almoços em família, a que tenho faltado muitas vezes nos últimos meses.

A conversa à mesa foi sobre o bom tempo, o resultado do Sporting, que é uma paixão do meu filho, e sobre as medalhas que ainda não tivemos nos Jogos Olímpicos. Actualidade passada em revista, barrigas saciadas, e lá foi a dona da casa para os seus afazeres e o moço para os seus jogos e séries predilectas.

Disposto a molengar, lá peguei na mochila, onde coloquei a máquina fotográfica e um leitor com algumas músicas, e saí para a encosta do rio onde me refugio sempre que me apetece ficar sozinho com os meus botões. Entre fetos e debaixo dos pinheiros, com o rio a meus pés, o tempo passa depressa e os olhos vagueiam pela paisagem. Fotografia não houve, música tão pouco. Recostado numa pedra passei três horas a fazer uns rabiscos na areia e a ouvir os pássaros que resolveram fazer-me companhia.

Lá fui para casa, que o assador estava por minha conta, e o frango à cafreal saiu bem, para deleite da minha gente. Bem comido, e razoavelmente bem bebido como convém, lá se arrumaram e lavaram as traquitanas, e este «menino» vai a pé com a sua senhora ao café mais próximo, para cumprimentar a vizinhança e beber a cafezada da ordem.

De volta a casa, vai de tirar uma sesta, daquelas que só acontecem de tempos a tempos, mas que o corpo e a mente agradecem. Ao final da tarde, já retemperado, voltei aos papéis, preparando-me para regressar ao trabalho, que isto de andar à boa vida com tarefas por cumprir, não pode ser uma rotina.

Nota: Estas linhas são escritas logo a seguir ao jantar, porque por hoje já não há mais folga, se quero ir de férias a 25 ou 26 deste mês. As fotos e os bonecos são do “arquivo” alimentado pela Rita e pelo Joca.



««« - »»»
Pinturas
Experiment3, scenery by bluekitty90
pink by onlyarose

««« - »»»
Humor do Brasil
Cláudio de Oliveira
Cláudio de Oliveira

Junião

7 comentários:

Pata Negra disse...

Que o lazer não seja só em tempo de férias, que saibamos contribuir para a reconquista da sociedade do lazer - o Homem não nasceu para trabalhar!
Um abraço sem fazer nada

LopesCa disse...

São necessários momentos assim para a nossa felicidade :)

AnA disse...

É caso para dizer...ai que prazer não cumprir um dever...

;-)

Savonarola disse...

Deu-me um gozo imenso partilhar essa magnífica aventura. Que maravilha ainda podermos viver assim...

Um abraço anarquista

Anónimo disse...

Sabe sempre bem uma pausa, é bom é não se tornar um hábito.
Lol

AnarKa

adrianeites disse...

os cartoons...lol lol lol

boa semana e que venham mais vanessas!

adrianeites disse...

os cartoons...lol lol lol

boa semana e que venham mais vanessas!