terça-feira, julho 22, 2008

CULTURA E NÚMEROS

Não tenho por hábito entrar em contabilidades do número de visitantes dos museus, palácios e monumentos, para aquilatar a qualidade da oferta, quer em termos de conservação, quer pelo número e qualidade das actividades desenvolvidas. Pode parecer-vos estranho, mas na realidade temos duas actividades distintas, uma mais centrada nos museus e outra muito diferente nos palácios e monumentos.

Há que distinguir a diferença entre os museus, onde se podem encontrar colecções expostas segundo épocas, estilos ou temáticas, e os monumentos em geral onde predomina a arquitectura, a história, as vivências e a sua utilização. É que os museus nacionais competem com os museus por esse mundo fora, em particular com os europeus, e a dimensão e importância dos nossos museus é pouco conhecida além fronteiras, e compete com alguma desvantagem com os seus congéneres. Os nossos palácios e monumentos, pelo contrário, competem no mercado do Turismo Cultural, em igualdade de circunstâncias com os seus congéneres europeus e mundiais, pelas suas características ímpares e por serem marcos característicos das zonas onde se inserem.

Ouvir falar num aumento de visitas, ainda por cima de 1%, em relação a 2007 não me diz absolutamente nada, porque todos sabemos que com a crise dos combustíveis e das viagens aéreas, e não só, o número de turistas vai forçosamente baixar, em 2008 e 2009, e portanto isso vai reflectir-se no número de visitantes dos museus e palácios, é inevitável. As variações percentuais vão notar-se mais nos palácios e monumentos, mas também se vai sentir nos museus, ainda que aí (à excepção do Museu dos Coches), o público nacional possa equilibrar mais os números já que representa a maioria dos seus públicos.



««« - »»»
Fotografias
Stairway to... by mainsprite (Louvre)

Autor desconhecido(...)

Legacy by refan-chan

««« - »»»
Humor da Rússia

4 comentários:

Tiago R Cardoso disse...

Um pena que este país se mantenha ausente de tudo o de bom que tem...

Eu próprio tenho de mudar os meus hábitos em relação aos museus.

Anónimo disse...

Neste Portugal já se atiram foguetes por 1%, isto está mesmo mau.
Lol

AnarKa

C Valente disse...

Os numeros das estatisticas nada nos diz, mas vamos acreditar que sim, 1% é nada
Saudações amigas

mundo azul disse...

Aqui aprendi mais algumas coisas...

Beijos de luz!!!