segunda-feira, junho 23, 2008

O DISCURSO ELEITORAL

Com a eleição de Manuela Ferreira Leite como líder do PSD, e a um ano das eleições legislativas, PS e PSD começam a alterar os seus discursos com o claro intuito de captarem eleitores.

A pose arrogante de José Sócrates vai começar a esbater-se, e o discurso desgarrado e a várias vozes do PSD, vai mudar tentando tirar o maior partido possível do adjectivo que mais foi usado para promover a nova líder, a seriedade.

Manuela Ferreira Leite, consciente que José Sócrates ultrapassou o PSD pela direita, lança agora um discurso sobre preocupações sociais, que nos tempos de crise que Portugal atravessa, obriga o líder do PS a recuar para as trincheiras mais habituais do Partido Socialista, e não me admira que ainda venha a proferir discursos de Manuel Alegre nos tempos mais próximos.

Começou a caça ao voto, vão suceder-se as promessas de mais emprego, de melhores salários e pensões, vão-se auscultar os parceiros sociais, e o futuro que nos vão prometer, será melhor, muito melhor do que o presente. Uns e outros vão enjeitar culpas sobre a situação difícil que se vive, que vão cair sobre a conjuntura, ou sobre a pesada herança do passado, como se os respectivos partidos nunca tivessem passado pelo poder.

Acredite quem quiser, mas eu continuarei a desconfiar destes senhores e senhoras, já os conheço bem e não tenho boas recordações de nenhuns. Vou continuar a votar em branco, está bom de ver!



««« - »»»
Imagens
2008 3 8 5 by VirusNO1

Up it goes by *bureau22

««« - »»»
Humor Trágico
Victor Ndula
David Horsey

10 comentários:

Um Certo Olhar disse...

A mesma linguagem, o mesmo espaço, o mesmo olhar.
A arrogância é que não pode ser a mesma.
bjos

Anónimo disse...

Tão iguais que eles são.
Lol
AnarKa

Sophiamar disse...

De falsos prometedores está o inferno cheio.Diziam! Eles prometem, prometem mas não cumprem nada.

Neste caso, quem está no inferno somos nós. É que não paramos de apertar os cintos, sobe-nos o calor até às bochechas e vamos ardendo em fogo que não é brando não.
Beijinhos Guardião!

Pata Negra disse...

O nosso maior problema não são estas senhoras e estes senhores, o nosso maior problema são as senhoras e os senhores que continuam a votar neles mesmo que, do resultado do seu direito só percam direitos.
Vota Manuela Sócrates! Renuncia à mudança!
Um abraço ao guardião do reino

Anónimo disse...

Bem retratados, iguais com ou sem o "D". Gostei também do bobo que ainda teima em encontrar diferenças onde não as há.
Será que eu conheço uma daquelas fotos?
Bjos da Sílvia

Cherry disse...

O voto em branco era um excelente sinal de descontentamento no país, até os começarem a juntar aos números da abstenção...Mais um sinal da democracia no nosso país.

ANTONIO DELGADO disse...

Gostaria que alguém me dissera qual a linha que separa a politica do espectáculo.

um abraço
António

C Valente disse...

Voltei e passei para deixar as minhas saudações amigas

Odysseus disse...

É somente caça ao voto, nada mais!São promessas, e essas não se cumprem.

Cumprimentos

LopesCa disse...

Infelizmente o Humor Trágico está muito bem apanhado.