segunda-feira, maio 19, 2008

MUSEUS - BALANÇO DA FESTA

Celebrou-se no domingo o Dia Internacional dos Museus, que desde sábado à noite trouxe aos museus muitos milhares de visitantes que tiveram a oportunidade de assistir a diversas actividades, ou simplesmente aproveitaram para ver ou rever o nosso Património. Estas actividades envolveram centenas de profissionais por todo o país, que procuraram fazer o seu melhor apesar da escassez de meios materiais e humanos que de todos são conhecidos.

Não é conhecido ainda um balanço oficial desta comemoração, mas em Lisboa pude constatar que Belém estava repleto de gente e em Sintra assistia-se também a um verdadeiro corrupio de autocarros e de gente.

Como nota final saliento a iniciativa da autarquia de Tomar que em parceria com a associação local de comerciantes concede descontos de 10% em 130 estabelecimentos comerciais da cidade, até 31 de Maio, a quem apresentar o cartão comprovativo de ter visitado no dia 18 o Núcleo de Arte Contemporânea. Por ser inédita e simpática, esta iniciativa merece ficar registada.

(Colaboração do Palaciano)
««« - »»»

««« - »»»

Fotos - Janelas

The window by papadimitriou

Bringing colors in the work by Toothrot

««« - »»»

Humor Russo


4 comentários:

Sophiamar disse...

Vamos saber hoje, creio, o balanço do Dia Internacional dos Museus. Não acredito que seja muito positivo, apesar da visita ser grátis, mas tenho a certeza que os museus, tal como o Teatro, começam a despertar o interesse das gerações mais novas.
Quanto às imagens, gostei muito daquela janela.Tenho uma paixão por elas, pela evasão que me possibilitam sempre que tenho uma por perto.

Beijos

Maria disse...

Acabei por na aproveitar o dia de ontem p ir a um museu...era para ir ao novo do Oriente mas depois pensei que ia ser uma enchente e deixei para outro dia ;-)
MAs ainda bem que houve enchentes nos Museus!

Obrigada lá pelo comentário :-)

Gosto especialmente do ultimo cartoon!

Abraço

Jorge P.G disse...

Fotos e bonecos sempre na linha da boa qualidade a que já me habituei.

Esperando que o balanço do dia dos Museus seja positivo, também me apraz registar as iniciativas a nível das autarquias, cujos pelouros da cultura tantas vezes têm feito mais do que o governo central.

Cumps.

Anónimo disse...

Eu fui a Sintra e pude verificar que o Palácio da Pena estava a cobrar entradas, e que o preço é de 11 euros por cabeça. O Zé Povinho tinha-me dito e eu não podia acreditar porque uma enormidade destas, só dá mesmo para acreditar vendo com os próprios olhos. Enfim estamos em Portugal, um país bizarro, onde um palácio nacional está entregue ao lucro e à exploração, em vez de estar ao serviço da Cultura.
Bjos da Sílvia, que guardou o bilhete.