domingo, dezembro 23, 2007

AS IMITAÇÕES

Muito francamente, hoje comecei a escrever sobre as imitações, a propósito das declarações de Luís Filipe Menezes ao Expresso, segundo as quais terá afirmado «Quero fazer como Sarkozy». Curiosamente, este já afirmou que estava a fazer o que está a ser posto em prática em Portugal. Concluindo, Menezes quer imitar Sócrates…
Nesta altura do ano confesso que o assunto não me levou mais longe do que isto, por falta de inspiração, ou talvez porque já todos devem ter topado isso, mesmo antes de ter sido notícia neste semanário.
As nossas feiras estão cheias de imitações, e há uns senhores da ASAE que de vez em quando levam sacadas deste material contrafeito, e se Menezes não se põe a pau…
Mas há imitações que não me importo de fazer, e hoje fui mais um Pai Natal, que embora utilizando outro meio de transporte, também carreguei o meu saco com umas prendas para deliciar uns quantos senhores e senhoras, um pouco mais velhos do que eu, que estão num lar aqui próximo e que não foram passar esta quadra com as famílias, ou porque não as têm ou porque simplesmente não foram convidados.
Está explicada a razão porque não bati mais no doutor Menezes.


O Postal de Boas Festas d'O Guardião
Para todos os meus amigos e visitantes nesta quadra muito especial.


Fotografia

Alien by Spider

UFO by Spider


Humor - Austrian Cartoon Award

By Nelson Santos

By Darko Drljevic

16 comentários:

C Valente disse...

Paz
__________________União
_________________Alegrias
________________Esperanças
_______________Amor.Sucesso
______________Realizações★Luz
_____________Respeito★harmonia
____________Saúde★..solidariedade
___________Felicidade ★...Humildade
__________Confraternização ★..Pureza
_________Amizade ★Sabedoria★.Perdão
________Igualdade★Liberdade.Boa-.sorte
_______Sinceridade★Estima★.Fraternidade
______Equilíbrio★Dignidade★...Benevolência
_____Fé★Bondade_Paciência..Gratidão_Força
____Tenacidade★Prosperidade_.Reconhecimento
- ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•.-
- ¨.•´¨) . ×`•.¸.•´× (¨`•.•´¨). ×`•.¸.•´× (¨`•...“

CAMPANHA,VAMOS FAZER ESTA ÁRVORE CIRCULAR
ATÉ AO FIM-DE ANO PARA ENERGIZAR 2008!!
e o outro porque eu sou mesmo sua fâ incondicional é este:
CAMPANHA, SOU SEU FÃ!!!
Por : Juli Ribeiro
Co saudações amigas e a minha ceia de Natal

quintarantino disse...

Que a vida vos sorria na sua plenitude em todos os dias; Que não se esgote a vossa fé nos Homens; Que a esperança vos anime a cada passo e vos alente em cada percalço; Que uma Luz maior vos alumie e aos vossos. Bom Natal, Boas Festas, Paz – NOTASSOLTAS IDEIASTONTAS.

MARIA disse...

Olá meu querido amigo Guardião:
Que lindo postal de natal . Gostei especialmente pelo que se adivinha no interior da casa iluminada ...
Um habitante de grande alma, inimitável...
Calor, em particular, humano, a contrastar com o frio do exterior...
Que bem que sabe ter por amigo o habitante dessa casa...
Tenha festas felizes e um ano novo muito, muito abençoado.
Um beijinho
Maria.

zé lérias disse...

Desejo-te um Natal Feliz e que o Ano-Novo seja só portador de BOAS-NOVAS, para ti e toda a tua família! :)

Maria (ex-sulista) disse...

Obrigada pela parte que me toca :-)

Tb tem lá uma árvore de Natal para plantar...eheheh

Beijinho de Boas Festas ;-)

Tiago R Cardoso disse...

Pelo o que pude ler o homem, se for eleito em 2009, vai privatizar tudo...

Desejo-lhe um FELIZ E SANTO NATAL.

Tiago

A. João Soares disse...

Caro Guardião,
Se a razão para não bater mais é essa, está desculpado! É uma justa causa!
O problema das imitações é muito antigo e generalizado. Há no género humano pouca criatividade e muita tendência para a cábula.
Embora possa sair extenso, vou tentar contar um caso curioso. Na América, onde os políticos estão credibilizados e os grandes empresários não se envergonham de ir para ministros (secretários), o Administrador da General Motors, Mac Namara, foi convidado para ser Secretário da Defesa, com a intenção de reorganizar as Forças Armadas, dado que tinha feito uma reorganização muito positiva na empresa que dirigira. Pouco depois de assumir funções, chamou o almirante, mais graduado da hierarquia do Departamento e disse-lhe que, num prazo curto por ele fixado, queria ver um estudo para a reorganização das Forças Armadas por forma a reduzir efectivos, diminuir as despesas sem afectar a eficiência.
O Almirante, muito atrapalhado, reuniu o seu Staff e transmitiu o recado. Gerou-se uma espécie de pânico, até que um comandante, mais astuto, sugeriu: Ele fez uma reorganização muito interessante na GM e, certamente, quer aqui fazer o mesmo. Temos de ir lá pedir os manuais e depois adaptá-los aos militares. Todos ficaram aliviados e, mãos à obra.
De posse dos manuais, trataram de fazer as convenientes adaptações, e, ao terminar o prazo, o almirante, muito ufano da lança em África que o seu gabinete tinha metido, lá foi entregar ao Mac Namara o seu glorioso trabalho.
O Secretário de Estado, abriu os manuais, viu o índice, viu uma ou outra página ao acaso. E disse um palavrão, pois achou que aquilo estava uma m...
O Almirante, não encontrou melhor argumento do que contar a verdade: como V. fez uma boa reorganização da GM, nós pensámos que quisesse implantar aqui um sistema semelhante.
Pois foi, só que eu, na GM, fui copiar o sistema militar que era o melhor exemplo de eficiência, e esperava que tivessem progredido e agora tivessem um esquema mais evoluído. Afinal, pelos vistos, estão na mesma ou pior!

Aqui se vê que uns e outros andam sempre à procura de modelos! E acaba por ser uma pescadinha de rabo na boca.
E, para mal de um Estado pobre e atrasado como é o nosso, acabamos por copiar aquilo que lá fora já foi posto de lado, devido a ser substituído por soluções mais eficazes. Por isso, não conseguimos seguir os bons exemplos dos Países que mais evoluiram: Irlanda, Noruega, Finlândia, Luxemburgo, etc.
Boas Festas
Um abraço com espírito natalício

A. João Soares disse...

Caro Guardião,
Se a razão para não bater mais é essa, está desculpado! É uma justa causa!
O problema das imitações é muito antigo e generalizado. Há no género humano pouca criatividade e muita tendência para a cábula.
Embora possa sair extenso, vou tentar contar um caso curioso. Na América, onde os políticos estão credibilizados e os grandes empresários não se envergonham de ir para ministros (secretários), o Administrador da General Motors, Mac Namara, foi convidado para ser Secretário da Defesa, com a intenção de reorganizar as Forças Armadas, dado que tinha feito uma reorganização muito positiva na empresa que dirigira. Pouco depois de assumir funções, chamou o almirante, mais graduado da hierarquia do Departamento e disse-lhe que, num prazo curto por ele fixado, queria ver um estudo para a reorganização das Forças Armadas por forma a reduzir efectivos, diminuir as despesas sem afectar a eficiência.
O Almirante, muito atrapalhado, reuniu o seu Staff e transmitiu o recado. Gerou-se uma espécie de pânico, até que um comandante, mais astuto, sugeriu: Ele fez uma reorganização muito interessante na GM e, certamente, quer aqui fazer o mesmo. Temos de ir lá pedir os manuais e depois adaptá-los aos militares. Todos ficaram aliviados e, mãos à obra.
De posse dos manuais, trataram de fazer as convenientes adaptações, e, ao terminar o prazo, o almirante, muito ufano da lança em África que o seu gabinete tinha metido, lá foi entregar ao Mac Namara o seu glorioso trabalho.
O Secretário de Estado, abriu os manuais, viu o índice, viu uma ou outra página ao acaso. E disse um palavrão, pois achou que aquilo estava uma m...
O Almirante, não encontrou melhor argumento do que contar a verdade: como V. fez uma boa reorganização da GM, nós pensámos que quisesse implantar aqui um sistema semelhante.
Pois foi, só que eu, na GM, fui copiar o sistema militar que era o melhor exemplo de eficiência, e esperava que tivessem progredido e agora tivessem um esquema mais evoluído. Afinal, pelos vistos, estão na mesma ou pior!

Aqui se vê que uns e outros andam sempre à procura de modelos! E acaba por ser uma pescadinha de rabo na boca.
E, para mal de um Estado pobre e atrasado como é o nosso, acabamos por copiar aquilo que lá fora já foi posto de lado, devido a ser substituído por soluções mais eficazes. Por isso, não conseguimos seguir os bons exemplos dos Países que mais evoluiram: Irlanda, Noruega, Finlândia, Luxemburgo, etc.
Boas Festas
Um abraço com espírito natalício

Mocho-Real disse...

E no meio do foguetório dos senhores dos ministérios, ainda sobra alguém que se preocupa com os idosos.

Haja mais gente como o Guardião!

Um abraço renovado de Boas Festas.

jorge G.

Sophiamar disse...

E é tão fácil "adoptar" um avô, uma avó em qualquer lar, nestas alturas. E podemos visitá-los durante todo o ano. É Natal todos os dias mas apenas e só nas palavras. E anda tanta gente a apregoar o bem! Inchaço de pouca dura, Guardião.

Um Santo e Feliz Natal!

Mil beijinhos porque eu sou de beijinhos

MiguelGomes disse...

Caro amigo, obrigado pelos votos característicos desta época. Agradeço novamente e retribuo!

Fica bem,
Miguel

Maria Faia disse...

Estimado Amigo Guardião,

Hoje, bato-lhe à porta para lhe oferecer um beijo amigo, com votos de Boas Festas e de um Ano Novo repleto de Felicidades.

Um abraço,
Maria Faia

papagueno disse...

Macaquinhos de imitação, já ninguém é original :)
Vinha só mandar um abraço e desejar um FELIZ NATAL!

SILÊNCIO CULPADO disse...

Guardião
Tu és para mim uma referência e, nesta condição, venho desejar-te o que de melhor exista no Natal.
Quanto ao Luís Filipe Menezes querer ser como o Sócrates.... eu acredito mas tem dó porque senão fujo para parte incerta!
Um abraço natalício

sol poente disse...

Feliz Natal para quem contribui para a solidariedade, a justiça social e a evolução da humanidade através do esclarecimento.

Pata Negra disse...

O Rei dos Leittões deseja a este blog um Natal cheio do-que-ouves e um Ano Novo cheio de propriedades.
Um abraço da pocilga