domingo, dezembro 09, 2007

10 MILHÕES DE DESPERDÍCIO

Os portugueses vão pagar dez milhões de euros vindos direitinhos dos seus impostos, destinados à realização desta Cimeira UE/África que decorre agora em Lisboa.
O que mais indignou muita gente foi a presença de Mugabe, mas na verdade muitos outros ditadores e governantes que violam os Direitos Humanos também cá estão e pouco se fala deles. Posso admitir que os assuntos internos desses países diz respeito apenas aos seus cidadãos, pois são povos independentes, mas repugna-me que o meu país seja conivente com governantes e regimes dessa natureza.
Não foi surpreendente a afirmação do ministro português, Luís Amado, quando disse que a cimeira não tem por objectivo resolver nenhum problema em concreto, ma sim definir o novo quadro estratégico de relacionamento entre os dois continentes. Traduzindo esta linguagem diplomática e vazia de conteúdo, temos que o evento serviu apenas para “amaciar divergências” para o fortalecimento das trocas comerciais entre os dois continentes.
Portugal, o país mais pobre do lado europeu, chamou a si a realização desta “cimeira histórica”, como já lhe chamaram, sobretudo para distender as relações entre os países dos dois continentes, assumindo os seus custos financeiros, sendo que os lucros serão para as grandes empresas europeias, pretendendo assim travar de certo modo, o avanço da China nos negócios com África.
Direitos humanos, regimes totalitários, liberdade de expressão, dramas humanitários, fome e miséria, são apenas notas de rodapé, pequenos apontamentos, para satisfazer as opiniões públicas dos países europeus.
A isto chamam pragmatismo, embora para mim seja hipocrisia pura. Opiniões!

»»» - «««
Fotos do Outono
KVit

Gary Ross

««« - »»»

Humor em Francês
Bauer
Delize

9 comentários:

zé lérias disse...

Gostei de ler e ver.
Um abraço.

Sílvia disse...

Pragmatismo ou hipocrisia, nós é que pagamos a festa porque até estamos abastados. Sócrates criticou Barroso pela cena dos Açores, agora cai nesta de receber uns quantos sobas africanos. Será que é mais um que se prepara para dar o salto para instâncias internacionais? Haja Deus...
Bjos

Sulista disse...

«o evento serviu apenas para “amaciar divergências” para o fortalecimento das trocas comerciais entre os dois continentes.»


E nós a pagar...10 milhões...MISERÁVEIS!!!! é um Chulanço!!!!!!!!


Abraços

Tiago R Cardoso disse...

10 milhões por uns jantares, sorrisos e fotografia ?

Que festa tão cara.

É claro que esse dinheiro serve também para pagar a limpeza dos caixotes do lixo, onde vão para os resultados da cimeira.

Ludovicus Rex disse...

O que está realmente na linha de fundo são os negócios da UE com África...O resto são favas contadas...
Um Abraço e Bom Domingo

Meg disse...

Circo ridículo, com artistas medíocres e alguns fora de prazo, mostra de subserviência mercantilista, pago por nós, pelas nossas crianças, pelos nossos velhos, numa ostentação farisaica.

Tudo mau, tudo deprimente, onde fica a credibilidade desta "gente" que nos governa?

Um abraço

Meg disse...

Adorei as imagens do Outono.
E coitado do Sarkozy... grande artista!

Abraço

adrianeites disse...

choro esse euro!

jamais terá retorno!

tretas esta cimeira!

Pata Negra disse...

Por acaso, as presenças que mais me incomodaram foram as de Sócrates e Durão Barroso! Os outros, pelo menos alguns, nunca tinham comido às nossas custas! Agora, esses dois, não contentes de comerem às nossas custas até os ossos nos começaram a comer!
Nem Sócrates nem Mugabe!