terça-feira, julho 03, 2007

O NOSSO MUNDO

Recebi há instantes umas fotos enviadas por um amigo que me deixaram pensativo e me fizeram correr para este teclado. O título, que já vinha de outros endereços tinha algo a ver com a segurança no trabalho, mas eu pensei de imediato, sei lá porquê em competitividade.
Um dos lemas que os economistas mais relevam nos seus discursos é o da competitividade e, as receitas que abundantemente dão viram-se sempre para os custos laborais e para a necessidade de os reduzir. Depois lá vem o tal mundo globalizado, e a concorrência dos outros países que oferecem os mesmos produtos ou equivalentes a preços muito inferiores aos nossos.
Sabemos todos que os cifrões, ou os euros se preferirem, dominam as mentes dos economistas e dos investidores, mas não acreditamos que eles sejam cegos e não vejam o que se passa nos tais “paraísos” produtores de artigos a tão baixo preço.
Não quero ser injusto, não mencionando que já os falar também de mercados justos e de concorrência desleal, mas só quando estão envolvidos subsídios e incentivos fiscais, que por serem atribuídos a outrem, também eles os reivindicam.
O que fica por se saber, é até onde é que eles nos querem conduzir, até que patamar teremos de descer para satisfazer as suas ambições. Deixo-vos as tais fotos que me levaram a este post.

««« - »»»

O capacete

Os óculos protectores

WC by Roaring Viking

6 comentários:

Aninhas disse...

Nivelar por baixo tem sido a preocupação dos nossos governantes e economistas. São brilhantes e amantes do progresso esses senhores. Talvez em breve se tornem habituais cenas como as das fotos, mesmo aqui pela Europa, a mesma que se diz social, reformadora e progressista.
Bjos

J.G. disse...

Bem documentada esta denúncia dos tubarões!

Um abraço.

Joca disse...

Já falta pouco para atingirmos este nível de desenvolvimento, graças aos nossos grandes líderes.
Fui

Zé Povinho disse...

Não faltam por aí exemplos de (in)segurança no trabalho e casas ao abandono. Assunto bem "agarrado".
Abraço

Sulista disse...

Ainda por cima, esses países fazem concorrência desleal....os seus trabalhadores não têm condições de vida e trabalho razoáveis.
...a ver vamos o que vai acontecer à Europa e mesmo à América com o avanço de produção industrial da China, Indía, etc...

Post oportuno!
Abraços ;-)

adrianeites disse...

muito pertinente o post!

a sulista focou um aspecto crucial: a concorrência desleal!

o nosso textil e o nosso calçado não se aguentam com estas coisas!

as fotos mostram um atentado à humanidade!