sexta-feira, junho 23, 2006

MANIPULAÇÃO DA INFORMAÇÃO

Ao ler no DN de 19 de Junho o título “UNESCO quer gerir melhor património”, referindo Sintra, fiquei desde logo interessado em apreciar o conteúdo da notícia. Li com atenção e fiquei abismado com tudo aquilo.
Comecei logo por discordar com o título que, devia ser “UNESCO quer património melhor gerido” porque é evidente que esta entidade não pretende (nem lhe compete) gerir, agora ou no futuro, qualquer património em Sintra ou noutras paragens. Acho mais curioso ainda que um parecer de Março tenha sido divulgado três meses depois, para mais quando se afirma que este organismo internacional “... quer que seja criada uma estrutura independente capaz de gerir a paisagem cultural de Sintra...”.
Pessoalmente não acredito nem em coincidências nem na inocência da oportunidade com que esta notícia surge.
Acredito que muita gente esteja completamente alheada deste assunto, mesmo os próprios jornalistas, mas há factos que podem e devem ser divulgados, e até investigados, relacionados com este tema.
Recuando uns anos, até ao ano de 2000, podemos perguntar se não foi este mesmo pretexto que originou a criação da empresa Parques de Sintra – Monte da Lua, S.A. com o aval do próprio governo? Argumentava-se também na altura que havia um excesso de entidades com competências diversas a actuar nesta área (Sintra) dum modo completamente descoordenado.
O que aconteceu com esta sociedade anónima de capitais inteiramente públicos desde então até aos dias de hoje? Abreviando, pergunto só qual é o montante das dívidas acumuladas e que melhoria trouxe para a Serra de Sintra?
Há notícias que surgem, não se sabe bem porquê, nem de onde, e que aparentam ser isso mesmo; notícias, mas que servem interesses económicos ou políticos preparando o caminho para algo que ainda não é conveniente divulgarem.
Estrutura independente é algo pouco preciso, tanto mais que a dita sociedade anónima também encaixa no conceito. Esconderá tudo isto a privatização da gestão de toda esta Paisagem da Humanidade?
Aconselho a consulta do site
http://www.parquesdesintra.pt/ms/missao.htm para verificarem que afinal, já tudo devia estar resolvido desde 2000.

4 comentários:

Alcoviteiro disse...

Adivinhem quem está agora no PS-Monte da Lua? Só posso adiantar que já andou pelo IPPAR. Quem é, quem é?

o guardião disse...

Estamos ao corrente, já foi presidente, não é? Talvez agora vá proceder aos pagamentos que estão em atraso e haja uma maior folga orçamental np IPPAR. Será que estou a ser ingénuo?

Anónimo disse...

O DN e os outros jornais nacionais estão muito pouco interessados em averiguar as notícias. Então para que é que existem os acessores de imprensa dos ministérios? Não é para fornecerem as notícias, com que nos vão embalando?

Anónimo disse...

Saberá V.Exa quanto custa um bilhete para visitar o Palácio Nacional da Pena ? É uma roubalheira, para mais sabendo-se que os Parques de Sintra devem muita massa ao IPPAR...